domingo, 21 de outubro de 2012

ADEUS#AvenidaBrasil

Durante a ultima semana as pessoas queriam saber: quem matou Max? Qual seria o final de Carminha, Tufão, Jorginho e Nina. Na ultima sexta (19/10) nos despedimos de todos eles que por um tempo fizeram parte do nosso dia a dia. Amanhã nenhum deles estará conosco. Estamos órfãos destes personagem e suas histórias.O que será de nós sem eles em nossas vidas. Parece drama, não é? Mas, imagine 67% das televisões ligada para saber o final. Os jornais do mundo pautaram esta história de amor, ódio e vingança.
Avenida Brasil
Novela da Rede Globo - 2012

O que leva uma novela fazer tanto sucesso? Porque esta simpatia por aquela que deveria ser a maior vilã? Não se pode entender o ser humano e suas nuances, mas a de se compreender que somos de tudo um pouco, e um pouco de nada e nos tornamos cada um único.

"Nunca vou entender você, Carminha" - disse Tufão. Foi nobre Carminha salvar Nina e Tufão, mas sinceramente eu acredito que ela estava era cheia daquele pai asqueroso. Quem não estaria, não é? Afinal, deve ser difícil ser criada com o assassino da própria mãe e ser usada a vida toda por ele.
Dizem que o arrependimento sempre chega, embora eu ache que apenas para alguns. A transformação da personagem de Carminha foi comovente e real, sabe porque? a vida toda ela viveu uma mentira, nunca soube ter limite e de repente ela perde o controle da mentira, perde o amor de Max, melhor dizer, a vida obriga ela a crescer e mudar. É chegado o momento. Ela se rebela, quer apenas se libertar de tudo que tem dentro dela e aceita a vida do jeito que é.Então opta por fazer o certo.
Eu credito muito o sucesso da novela, as transformações sofridas pelos personagens no percurso. Foi preciso Cadinho ficar pobre, ser largado pelas mulheres e elas trocarem o amor pelo dinheiro, para só então se darem conta que dinheiro é bom, mas o amor é muito mais que isto, que pode sim ser feliz se bem amada.
A parte mais engraçada foi a mais trágica. Imagine um homem com Adauto de chupeta! Pense o que foi para ele, lidar com esta situação na adolescência e viver a vida toda com este trauma. # Bullying é realmente desleal, mas também ninguém ensina e não se combate esta deficiência comportamental. Precisou para Adauto alguém que o amasse, segurasse em sua mão e transmitisse segurança para ele vencer sua própria barreira, muitos não tem. Luta a vida toda com seus fantasmas, com as marcas provocada por quem não sabe amar.
Lindo de se ver foi o ato de perdoar de Nina, um nobre e dificil sentimento. O acolhimento de Lucinda com Carminha. O olhar de Jorginho perdoando Carminha. O neto dela no colo, se via tanto amor nos olhos dela que a humanizou para quem assistia. Porque a vida é assim, na maioria das vezes erramos, mas um dia podemos sim reconstruir nossa história de outra forma, por outro caminho.
Fiquei emocionada com as histórias dos personagens que se encontraram, desencontraram e se reencontraram e que mostrou que a maturidade vem e transforma, ressurge e edifica.
Parabéns para aqueles que sabem amar. Só me falta amor.
Feche as cortinas. #AvenidaBrasil SE DESPEDE.
Aplausos!!!!

2 comentários:

  1. Prezado companheiro do mundo virtual. Estou aqui para compartilhar um mimo que ganhei do amigo RioSul do blog Ô Trocyn Bão. Fui indicada por ele ao SELO DARDOS e a mim, foi confiada a difícil tarefa de compartilha-lo com outros amigos. Por esse motivo, estou aqui para dizer que está disponível no blog. Lhe convido a participar dessa “onda”, se voce for do seu interesse, é claro!
    Desejo uma boa semana e um brinde a todos os navegantes que proporcionam a disseminação da cultura.
    Bjão V.

    ResponderExcluir
  2. Prezado amigo blogueiro,
    Por motivos pessoais, resolvi fechar o blog e dar acesso apenas para convidados. Quem ainda tiver interesse de acessar meu conteúdo, por favor, me envie mensagem no email valeriacruz.lela@gmail com o e-mail que quer ter acesso.
    Obrigada pela compreensão e agradeço se vierem, será muito bom continuar a te-los ao meu redor.
    Bjão.
    V

    ResponderExcluir